Região de Santa Maria defende instituição de Central de Abastecimento da Agricultura Familiar

Os programas e projetos da Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), executados pela Emater/RS-Ascar, foram apresentados e discutidos pela Associação de Municípios da Região Centro (AMCcentro) no dia 20 de agosto, via web-reunião. O encontro teve a participação do presidente da Emater/RS, Geraldo Sandri, além de secretários municipais de Agricultura, prefeitos, representantes da Coordenadoria Regional da Seapdr, do chefe do gabinete do secretário Covatti Filho, Erli Teixeira, em como dos presidentes dos Coredes Central, Vale do Jaguari e Jacuí-Centro e os gerentes regionais de Santa Maria, Regina Hernandes e José Renato Cadó.

Inicialmente, o chefe de gabinete da Seapdr, Erli Teixeira, falou sobre a estrutura de atuação da Secretaria e os projetos e programas que visam ao desenvolvimento do agronegócio, da agricultura familiar e dos públicos especiais no Estado. O coordenador Regional, Celso Carvalho, apresentou a estrutura técnica e administrativa da Coordenadoria Regional, colocando o trabalho à disposição dos municípios.

O presidente da Emater/RS, Geraldo Sandri, falou sobre a importância da Instituição para o desenvolvimento rural do Estado, os problemas estruturais e de orçamento enfrentados, bem como os avanços no novo contrato entre a Emater/RS-Ascar e o Governo do Estado, através da Seapdr, que garantirá a manutenção dos serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural e Social (Aters) a milhares de famílias rurais, por mais cinco anos.

A gerente Regional Regina Hernandes parabenizou o presidente da AMCentro, Carlos Gustavo, prefeito de Tupanciretã, pela inciativa da reunião e destacou que “a soma de esforços das administrações municipais com os escritórios   municipais tem sido fundamental para uma efetiva prestação de serviços de Aters às famílias rurais”, e agradeceu às instituições parceiras pelo apoio recebido durante a sua gestão e do gerente adjunto José Renato Cadó. “Sucesso é sinônimo de trabalho coletivo”, avaliou Regina.

Na sequência, os presidentes dos Coredes Central e do Vale do Jaguari ressaltaram a importância da Consulta Popular 2020 e dos recursos de R$ 10 milhões para todos os Coredes, cuja aplicação viabilizará projetos regionais. Nesse sentido, o presidente do Corede Central, Caio Jordão, propôs a aplicação dos recursos da Consulta Popular deste ano, em torno de R$ 350 mil reais, na construção de uma Central de Abastecimento Regional.

De acordo com o projeto, o prédio garantirá o armazenamento e a distribuição de alimentos e produtos da agricultura familiar, especialmente para o mercado institucional de Santa Maria, via Central de Cooperativas da Agricultura Familiar (Unicentral), auxiliando na dinamização do mercado local e regional via cooperativas associadas, e contribuindo para a geração de empregos, reprodução social das unidades de produção e a permanência/retorno dos jovens ao campo.

Para Renato Cadó, gerente adjunto da Emater/RS-Ascar de Santa Maria ressaltou a importância da proposta, dizendo que a garantia de um local para recebimento, armazenamento e distribuição dos produtos das cooperativas associadas, através da Unicentral, irá favorecer a agricultura familiar de toda a região.

Fonte: Emater/RS

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter

Rádio Integração FM 98,5
Rua Augusto Rossi, 316
Restinga Sêca/RS

Fone/Fax: (55) 3261.1030 | 3261.1270 | 3261.1707
E-mail: radio-integracao@hotmail.com