Os Fagundes apresentam show inédito com a Orquestra Jovem Recanto Maestro no recém-inaugurado Palco Bell’Anima

Foto: Eduardo Rocha

Anfiteatro ao ar livre recém-inaugurado no Centro Internacional de Arte e Cultura Humanista Recanto Maestro, entre os municípios de Restinga Seca e São João do Polêsine, o Palco Bell’Anima recebe no dia 30 de abril, às 19h30, uma apresentação inédita do grupo Os Fagundes. Os irmãos Ernesto (voz e bombo leguero), Neto (voz e violão) e Paulinho (violão e guitarra) e o pai, Bagre Fagundes (voz e gaitinha), dividirão o palco com a Orquestra Jovem Recanto Maestro, projeto social de ensino da música clássica que trabalha o desenvolvimento integral das crianças, alcançando alunos da rede pública de ensino da Quarta Colônia de Imigração Italiana do Rio Grande do Sul.

Sob direção musical de arranjos de Vagner Cunha, o grupo explorará novas sonoridades, trazendo uma trilha sonora que reflete a trajetória da família, que vai do México ao Alegrete, passando pela Itália, França e Argentina. No repertório, não vão faltar clássicos da carreira dos Fagundes, como o Canto Alegretense, Origens, Galpão Crioulo e De filho para pai, dessa vez apresentados em diferentes formações, seja em duos, trios, quarteto ou voz e cordas.

Os ingressos para a apresentação estão à venda em www.guicheweb.com.br e na Lojas Dullius do Recanto Maestro com preços a partir de R$ 145 para quem optar pelo ticket solidário, doando um quilo de alimento não-perecível na entrada do teatro. Uma hora antes do início da apresentação, também haverá venda de ingressos no local.

A programação completa do espaço até o final do primeiro semestre deste ano já está definida, montada em parceria entre a Bell’Anima e a Branco Produções. No dia 28 de maio, o espaço receberá a cantora norte-americana Cerissa McQueen para apresentar sua mistura de estilos como blues, gospel, jazz, rock, soul, pop e funk. No dia 11 de junho, haverá o espetáculo Uma noite na gafieira, com o carioca Pedro Miranda e o grupo gaúcho Central do Samba. Já no dia 2 de julho será possível conferir uma apresentação de Toquinho no local.

Sobre os artistas

Os Fagundes mostram ao público as performances individuais que resultaram da renovação do trabalho e dedicação da família que é unida por uma paixão: a música. A influência paterna de Bagre é apresentada através dos trabalhos desenvolvidos por cada um, mas sempre com o “pitaco” da família. Neto busca a integração entre as diferentes culturas musicais brasileiras. Desde os primeiros passos como artista, trouxe a união do regionalismo às diversas sonoridades, ligando a cultura gaúcha ao rock, ao reggae, levando o tradicionalismo para dentro dos teatros. Da família, unida pela música, com laços fortalecidos pela amizade, Ernesto compartilha na relação com o pai a cumplicidade nos sentimentos. O patriarca teve como primeira referência a música mexicana e, a partir deste legado, Ernesto escolheu defender e difundir a cultura latino-americana, marca de seu trabalho. O bombo leguero, instrumento de percussão argentino, que o acompanha nas andanças pelo mundo, ele afirma ser a extensão de seu corpo. O mais novo, Paulinho Fagundes, é um artista maduro, estudioso e instrumentista de excelência. A liberdade e influência recebida fortaleceu a busca pela sua individualidade musical, conquistando parcerias de trabalho com os maiores nomes da música instrumental brasileira.

A Orquestra Jovem Recanto Maestro nasceu em 2015, na Quarta Colônia de Imigração Italiana do Rio Grande do Sul. O projeto, promovido pela Fundação Antonio Meneghetti e executado pela Associação Ontoarte com apoio do Centro de Arte e Cultura Humanista Recanto Maestro, promove o ensino gratuito de música clássica e o desenvolvimento integral das crianças, oferecendo oportunidade de formação de jovens com capacidade de autonomia e evolução. Atualmente, conta com 135 alunos ativos de 4 a 21 anos, estudantes da rede pública de ensino da região central do Rio Grande do Sul, com polos de ensino nas cidades de Agudo, Faxinal do Soturno, Restinga Sêca, Santa Maria, São João do Polêsine e Silveira Martins.

Sem deixar de servir-se do melhor de sua formação clássica, o compositor Vagner Cunha transita em diversos gêneros e sonoridades para trazer à sua música originalidade e identidade. Nos últimos anos, sua intensa produção integra diversos discos, uma ópera, o espetáculo A Paixão de Dante, além de diversos trabalhos paralelos como arranjador e violinista. Suas composições têm sido estreadas por diversas orquestras e grupos de câmara brasileiros, com destaque para o Concerto para Violino Nº1, Concerto para Viola, Concerto para Violão de 7 Cordas, Concerto para Piano e Orquestra Sinfônica, Ballet Mahavidyas e Aleph.

O anfiteatro

Foto: Isadora Aquini

Idealizado pelo músico Vagner Cunha e pelo empresário Claudio Carrara, que cedeu parte do terreno da própria casa para a construção, o Palco Bell’Anima possui capacidade para acolher até 450 espectadores e recebeu um investimento de mais R$ 2,5 milhões. Projetado pelo arquiteto italiano Enrico Torrice, tem mais de 100 metros quadrados, em formato de meia-lua. São 7,5 metros de pé direito e, à sua frente, uma sequência de 14 degraus em pedra que servem de arquibancada para receber o público. A vista também é uma atração à parte, já que os espectadores podem enxergar o desenvolvimento do complexo arquitetônico em meio à exuberante vegetação natural do vale.

Inspirado nos teatros gregos do período clássico, o espaço, que pode receber concertos com ou sem amplificação, tem projeto de sonorização do engenheiro de som gaúcho Leo Bracht e projeto acústico do engenheiro argentino Gustavo Basso. A construção aproveita o caminho natural que o som percorre na concha acústica criada pela própria estrutura da arquibancada de pedra, permitindo a distribuição sonora uniforme por toda a área ocupada pelos espectadores.

SERVIÇO

Os Fagundes e Orquestra Jovem Recanto Maestro

Espetáculo inédito sob direção musical e arranjos de Vagner Cunha

Dia 30 de abril, sábado, às 19h30

Palco Bell’Anima (Rua Oniotan, S/N – Recanto Maestro – São João do Polêsine/RS)

Ingressos

R$ 145 solidário, mediante doação de 1kg de alimento não perecível na entrada do teatro

R$ 150 meia-entrada

R$ 300 inteiro

Pontos de venda

www.guicheweb.com.br/pesquisa/bellanima

Lojas Dullius Recanto Maestro (Estrada Recanto Maestro, 1889 – Restinga Seca). Horários de funcionamento: segundas e terças, das 13h às 19h; quartas, quintas e sextas, das 9h às 19h; sábados, das 9h às 18h; e domingos, das 8h às 17h.

Palco Bell’Anima (Rua Oniotan, S/N – Recanto Maestro – São João do Polêsine): No dia das programações, haverá venda também no Palco Bell’Anima, uma hora antes do início das apresentações.

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+

Rádio Integração FM 98,5

Rua Augusto Rossi, 316
Restinga Sêca/RS

Fone/Fax: (55) 3261 1030  |  3261.1270  |  3261 1707

radio-integracao@hotmail.com