Famurs assina acordo de cooperação com agência de desenvolvimento de Braga, em Portugal

Prefeitos e técnicos da Federação das Associações dos Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs) assinaram nesta terça-feira, dia 31, um importante acordo de cooperação com a agência de desenvolvimento InvestBraga, em Portugal. O protocolo faz parte da missão internacional da Famurs que busca o desenvolvimento de novas oportunidades para os 497 municípios gaúchos. Os gestores foram recepcionados pelo diretor executivo da InvestBraga/ Altice Fórum Braga, Carlos Silva e pelo diretor da Agência de Desenvolvimento portuguesa, Gil Carvalho. Foram cerca de três horas de trabalhos técnicos desenvolvidos entre os integrantes da agência portuguesa e os prefeitos que integram a missão. 

O protocolo assinado entre a Famurs e a agência de desenvolvimento InvestBraga estabelece uma aliança entre as duas entidades no sentido de troca de experiências e informações para atração de investimentos para a Região de Braga, em Portugal, com os municípios do Estado do Rio Grande do Sul – Brasil.

Lançada em março de 2014, a InvestBraga atua como o braço de desenvolvimento econômico do município. Ao apostar na valorização do município, enquanto parceiro de negócio, a InvestBraga promove a atração de investimento e de empreendedores, fazendo do fator inovação a sua principal vantagem competitiva.

Durante a reunião com os prefeitos gaúchos, o diretor do InvestBraga, Gil Carvalho destacou diversos pontos que podem ser implementados nos municípios gaúchos. A Atração de Investimento nacional e internacional para a região, através da Agência para a Dinamização Econônica de Braga. O desenvolvimento de programas de pré-aceleração, aceleração e incubação para startups com ambição global, através da Startup Braga que se assume um hub de inovação desenhado para apoiar a criação e o desenvolvimento de empresas de base tecnológica com elevado potencial empreendedor nos mercados internacionais. A promoção e organização de feiras, congressos, seminários, e eventos alinhados, no Altice Forum Braga, com o posicionamento estratégico da cidade no contexto nacional e internacional, apostando na diferenciação pela modernização e na divulgação das tendências, potenciando a criação de marcas e eventos únicos capazes de potenciar o desenvolvimento económico. E a mais recente unidade de negócio, o Centro de Juventude de Braga/Pousada da Juventude de Braga, tem por missão assegurar condições de alojamento, moradia e de trabalho, capazes de promover a Educação Não Formal, os Direitos Humanos e a dinamização de projetos de Criatividade, Empreendedorismo e Cidadania local.

Outro fato que chamou a atenção é o desenvolvimento do programa Work in Braga. Dentro deste modelo, há um mapeamento de todas as vagas de trabalho, oportunidades nas universidades e locais próximos a postos de trabalho para a recepção de jovens que queiram se desenvolver na cidade. Há um raio X que se transforma em realidade com o desenvolvimento de novas vagas dentro do mercado de trabalho. Braga,em termos empresariais está representada nas mais variadas áreas de negócio e de atividades empresariais. “Neste contexto todas as profissões são igualmente importantes para nós, no entanto pela escassez de Recursos Humanos e pelo aumento e crescimento de empresas de determinados setores na nossa cidade determinadas categorias profissionais são mais procuradas neste momento. Do estudo que o Work in Braga realizou concluiu-se que todas as categorias profissionais ligadas às Tecnologias de Informação e as categorias profissionais técnicas especializadas do setor da Metalmecâmica e Construção Civil são as mais procuradas atualmente. Para o presidente da Famurs e prefeito de São Borja, Eduardo Bonotto, a assinatura do termo de cooperação representa a geração de novas oportunidades para os municípios gaúchos. “Braga passou a ser reconhecido em todo o mundo por desenvolver um modelo exemplar de fomento ao empreendedorismo. Percebemos uma interação real entre escolas, universidades e mercado de trabalho. É a cidade que mais cresceu em números absolutos em Portugal. E agora vamos levar este modelo de estratégia para os municípios do nosso Rio Grande do Sul.”, disse Bonotto.

Conforme o presidente eleito da Famurs e prefeito de Restinga Sêca, Paulinho Salerno, o modelo conhecido pelos gestores representará uma grande evolução para os municípios gaúchos. “Braga através de suas estratégias de desenvolvimento traçou em 2014 um objetivo de criar 500 postos de trabalho, desde então tem criado uma média de 2.000 postos de trabalho por ano. É um trabalho que envolve parcerias capazes de gerar fortemente a identificação de talentos e colocação destes jovens no mercado de trabalho. São números e modelos de inovação que devemos levar para o desenvolvimento dos nossos municípios gaúchos”, esclareceu Salerno.

O prefeito de Santa Rosa, Anderson Mantei, destacou a gestão que a agência de desenvolvimento possui para crescer de forma econômica. “Chamou a atenção os resultados rápidos que esta agência de desenvolvimento promoveu com este município. Braga conseguiu atrair muitas empresas tecnológicas por trabalhar fortemente a questão da mão de obra especializada. Isso fez com que as empresas viessem para Braga. E nos mostra que a qualificação dos jovens é uma política que gera evolução para as cidades”, disse Mantei.

Para o Vice-presidente da Famurs e prefeito de Guaíba, Marcelo Maranata, a agência de desenvolvimento InvestBraga possui cases que devem ser implementados de forma muito rápida nos municípios gaúchos. “Fiquei entusiasmado ao observar as parcerias geradas com as entidades acadêmicas. Este fato aproximou os estudantes do mercado de trabalho”, afirmou Maranata. Já o prefeito de Santo Ângelo, Jacques Barbosa, destacou a rapidez que o plano estratégico desenvolvido em Braga foi colocado em prática. “São empresas inovadoras e criativas que foram desenvolvidas em Braga. Empresas que se desenvolveram com o DNA do empreendedorismo e da inovação. O resultado foi a geração de empregos e desenvolvimento econômico. Métodos de conhecimento e investigação foram desenvolvidos e a colheita chegou de forma muito rápida. São diversos projetos que transferem conhecimento”, explica Jacques. 

O coordenador técnico de turismo da Famurs, Mário Nascimento, ressaltou a importância da reunião e do acordo de cooperação. “Tivemos uma aula de gestão e principalmente de resultados. Os resultados obtidos por Braga servem de exemplo para os prefeitos gaúchos. Em breve, teremos bons resultados para os moradores dos 497 municípios do RS” disse Mário.O grupo que compõe a Missão Internacional possui a presença do presidente da Famurs e prefeito de São Borja, Eduardo Bonotto; do presidente eleito da Federação e prefeito de Restinga Sêca, Paulinho Salerno; do vice-presidente e prefeito de Guaíba, Marcelo Maranata; do prefeito de Santo Ângelo, Jacques Barbosa; do prefeito de Santa Rosa, Anderson Mantei; do superintendente Darlan Santos; do coordenador de turismo, Mário Nascimento; do coordenador técnico de Comunicação da Famurs, Voltaire Santos e do secretário de desenvolvimento econômico de Santa Rosa, Odaylson Eder.

Fonte: Famurs

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+

Rádio Integração FM 98,5

Rua Augusto Rossi, 316
Restinga Sêca/RS

Fone/Fax: (55) 3261 1030  |  3261.1270  |  3261 1707

radio-integracao@hotmail.com